Frases Soltas: Hoje Ela Acordou Triste

19 de outubro de 2016

Hoje Ela Acordou Triste


Dê play neste vídeo pra ler este texto


Hoje ela acordou triste, tão triste que nem tem vontade de levantar da cama e encarar mais um dia igual, dia da marmota, uma repetição sem fim.

Ela se força a levantar, vai ao banheiro, não reconheceu seu reflexo no espelho. A mulher então olha de volta pra ela, com os cabelos emaranhados, a pele sem viço, os olhos sem brilho, os lábios rachados, com olheiras e a expressão de quem queria estar em qualquer lugar menos ali.

Faz a primeira tentativa, com muito sacrifício lava o rosto, sem se pentear faz um coque, escova os dentes e se olha mais uma vez. Ainda não se reconhece, não é ela quem está ali.

Hoje ela acordou deslocada, errada, feia, nada que ela fala faz sentido, tudo sai no tom errado, como se outra pessoa falasse por ela.

Não importa se ela é pós graduada, se fala três idiomas, se lê mais de quarenta livros no ano, se é antenada em séries e música, hoje ela acordou desinteressante, sem saber formular frases concisas, sem saber como participar de qualquer conversa, acordou burra.

Ela se coloca no modo automático, sem pensar muito faz o café, ajeita as coisas dos filhos, acorda as crianças pra ir pra escola. O dia passa como todos os outros, mas ela realmente está ali? Ela está sentindo alguma coisa além do vazio que cisma em abrir o seu peito? Ela está vivendo ou sobrevivendo?

Se força a sorrir, responde as perguntas que lhe fazem de modo monossilábico, será que quem está ao seu redor percebe que ela nem tem mais forças pra chorar? Que ela não sabe como pedir ajuda sem parecer fraca?

Ela tem medo que julguem seu sentimento como fingimento, frescura ou fraqueza, justo ela que sempre foi tão forte...

O dia passa como os outros, com ela se forçando, se obrigando a fazer qualquer outra coisa que não seja ficar deitada na cama esperando passar, esperando voltar a ser quem ela é, divertida, extrovertida, falante, mas isso não acontece, ainda bem que lhe resta um pouco de força pra fingir mais alguns minutos antes de todos irem dormir.

Eles dormem e ela chora em silêncio, isolada, não consegue dormir até de madrugada, não até o Sol começar a nascer, dorme sem perceber, como todas as noites, com o coração pesado e os olhos inchados de tantas lágrimas, uma tentativa frustrada de deixar o peito mais leve.

E quando acorda, tudo recomeça, porque hoje, só hoje, ela acordou triste...


comentário(s) pelo facebook:

Um comentário:

  1. Não sei se elogio o texto ou se choro por ter me identificado rs
    Já passei por dias assim, vários e vários... =/

    ResponderExcluir