Frases Soltas: Literatura - O Último Adeus

26 de julho de 2016

Literatura - O Último Adeus



Lex é uma jovem de 18 anos, nerd, gênio da matemática que perdeu seu irmão mais novo de forma trágica (suicídio). Para fugir dos antidepressivos que seu terapeuta quer receitar, ela concorda em começar a escrever um diário, como válvula de escape, contando como tem sido os seus dias e dos que a cercam depois da tragédia.
Lex, que já era introvertida, começa a se isolar, se afastar de seus amigos porque não sabe como lidar com o olhar de piedade que recebe todos os dias nem com as frases prontas que todo mundo fala quando se tenta consolar alguém.





Sua mãe está destroçada, não come, começou a beber, só chora e vive no quarto de seu filho morto, vestida com suas camisetas velhas, deitada na cama dele. Seu pai, que está num novo casamento, parece distante, como se os acontecimentos recentes não tivessem tanta importância pra ele, e isso fere mais ainda o coração de Lex.
A garota narra seus dias com muita sinceridade, e é praticamente impossível não se colocar no lugar dela ou no lugar de sua mãe e sentir a dor das duas por perder alguém que era tão amado.




É um livro forte, que fala com delicadeza sobre morte, dor da perda, depressão, introversão, e sobre como voltar a viver depois de uma tragédia. Fiquei com o coração apertado durante toda a leitura, e nos últimos capítulos, quando Lex entrega seu diário a alguém que ela ama, pra compartilhar seus sentimentos e explicar a sua dor, eu tive uma crise de choro que durou muito tempo. Me emociono até agora, só por lembrar de palavras tão doloridas e honestas sobre a dor que é ter que sobreviver sem seu irmão.
Livro intenso, dolorido, pra se emocionar e chorar, que trás uma lição de vida muito importante, a vida continua pra quem ficou, mas nunca como era antes, a saudade sempre vai estar ali, e quem ficou vai ter que se acostumar a viver com ela.
Recomendo!

Veja aqui a playlist no Spotify.

comentário(s) pelo facebook:

2 comentários:

  1. Como eu gosto de chorar hahaha (mentira não gosto não, mas amo história emocionantes porque são elas que marcam e deixam uma bela mensagem) então estou querendo esse livro desde que lançou!
    Além da premissa da história que nem preciso falar que me conquistou e estou muito curiosa! A edição como sempre (Darkside arrasa) é de ficar babando! Todo os detalhes, com post it e de caneta e devo dizer que nem li mas já sinto um carinho imenso por esse livro <3
    Beijos Flavia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. DarkSide arrasa mesmo, edições incríveis,as outras editoras podiam seguir o exemplo né?

      O livro é lindo e triste, mas deixa uma boa mensagem pra gente, se tiver a oportunidade leia, acho que você vai gostar :)

      Beijinhos

      Excluir