Frases Soltas: Exposição Mondrian e o Movimento de Stijl

4 de abril de 2016

Exposição Mondrian e o Movimento de Stijl


Hoje eu fui conferir o último dia da exposição Mondrian e o Movimento de Stijl que estava ocorrendo no Centro Cultural do Banco do Brasil aqui em São Paulo.

Mondrian foi o ícone do movimento de Stijl (O Estilo), que usava cores primárias para criar obras sem restrições, obras de “arte total”, claras e limpas, pois essa era a forma que os artistas imaginavam o futuro.Ele também foi o criador do movimento artístico Neoplasticismo que visava uma total limpeza espacial da pintura, reduzindo a mesma a seus elementos mais puros e primários.



A exposição contava com quadros de Mondrian e de outros pintores do movimento de Stijl, maquetes de casas inspiradas em cubismo, também se utilizando de cores primárias, móveis e objetos interativos onde os visitantes poderiam tocar e montar sua própria obra de arte.



Ao contrário das outras exposições, essa começava no subsolo do Museu, pois segundo a curadoria, o visitante teria uma melhor compreensão da evolução dos artistas do movimento de Stijl.





Com quadros simples e muito interessantes, o último dia da exposição trouxe muitos visitantes, o Museu estava lotado não só de apreciadores de arte e estudantes, mas também daquele pessoal que costuma ir pra postar foto no facebook e fazer check in. Ao menos esse segundo público (que vem crescendo muito, diga-se de passagem) escolheu um lugar cultural pra fazer suas selfies, aprendendo um pouquinho de tabela J.







A exposição estava muito bem organizada como de costume, uma pena que só soube muito em cima pra dar a dica pra vocês L.

Eventos desse tipo valem muito a pena, não só por serem gratuitos, mas porque trazem conhecimento, e isso, é o que o ser humano pode acumular de mais precioso.

comentário(s) pelo facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário