Frases Soltas: Resenha – Como Roubar a Espada de Um Dragão

31 de julho de 2013

Resenha – Como Roubar a Espada de Um Dragão


Nossa história começa com Soluço, Camicazi e perna de Peixe dormindo em redes quase no topo do Caminho Árduo da Montanha Furiosa. Além deles, todos os adolescentes das outras tribos estão dormindo lá, para participar da comemoração de Ano Novo, onde teriam uma competição de esgrima e a Cerimônia de Ano-Novo, Novo Guerreiro, um rito de passagem onde os adolescentes passavam da infância para a idade adulta e eram finalmente considerados guerreiros.
No meio da noite eles sofrem um ataque terrível dos piores dragões do mundo, sem motivo aparente, e isso faz com que Soluço se lembre do juramento do Dragão Fúria Vermelha, de que em um ano seria declarada uma guerra contra os humanos. Bem, um ano tinha se passado, e Soluço tinha esperanças de que o Dragão deixaria a guerra de lado, mas infelizmente não foi o que aconteceu.
Além de enfrentar uma guerra, Soluço terá que lidar mais uma vez com Alvin o Traiçoeiro, seu arqui-inimigo, e sua mãe, a velha bruxa, que está com sede de vingança.
Essa aventura de Soluço é a mais sombria de todos os livros. Neste livro, ele tem que se provar a todo instante, e sempre que acha que as coisas vão seguir um rumo bom e justo, acontece uma reviravolta na história que faz com que as coisas sigam um caminho inesperado e preocupante.
Nesse livro conhecemos a história de Soluço Spantosicus I, e sua grande capacidade de justiça e aprendizado. Foi interessante ver como o nome Soluço carrega ao mesmo temo uma maldição e uma benção. Uma maldição porque todos os Soluços são considerados Nanicos e sem valor e uma benção porque todos que carregam o fardo desse nome, também possuem um belo caráter e uma bondade incomum aos outros vikings.
Desta vez, Soluço faz o Prólogo ao invés do Epílogo como comumente vemos nos outros livros da série. E já na leitura do Prólogo você já sabe que vem por aí uma aventura repleta de ação.
Continuo indicando essa série tanto pra crianças como pra adultos, porque além de ser divertida, ela passa mensagens de esperança e amizade dignas de aprendizado pra qualquer pessoa, não importa a idade.
Você pode conferir as outras resenhas dessa série clicando aqui.




comentário(s) pelo facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário