Frases Soltas: Resenha Filme - Detona Ralph

21 de março de 2013

Resenha Filme - Detona Ralph


Detona Ralph conta a história de Ralph, vilão do jogo conserta Félix, que vê a sua vida empacada e sem amor justamente pelo fato dele ser um vilão. Seus companheiros de jogo o descriminam por conta desse estereótipo e até mesmo o herói do jogo, Félix, que é uma boa pessoa, não parece se importar muito com ele.

Ao tentar participar sem ser convidado, da festa de 30 anos que seu jogo estava completando, Ralph é confrontado por um dos moradores da vila do jogo. Ele é agredido psicologicamente e desafiado a voltar com uma medalha de herói, medalha essa que Félix ganhava sempre que o jogo era zerado.

Ralph então começa a sua jornada pelo mundo dos games para provar a todos e a si mesmo que ele não é mau como um vilão e que ele pode ser muito mais. Ele tem muito valor, então, por que as pessoas que ele convive só conseguem enxergar o seu papel no jogo e não a pessoa que ele realmente é?



O primeiro jogo em que Ralph entra é o Missão de Herói, um jogo futurista onde se tem como objetivo acabar com os “Insetrônicos”, insetos malignos que querem acabar com o mundo. Meio atrapalhado e com medo, ele veste a roupa de um dos combatentes e por incrível que pareça, consegue pegar a medalha.



Só que um dos insetrônicos escapa e acaba arrastando Ralph com ele para um jogo de corridas pra meninas chamado Corrida Doce, onde Ralph perde a sua medalha por conta de uma garotinha chamada Venellope, um bug do jogo, que tem o sonho de participar de uma corrida e vencer.



Nesse meio tempo, Félix, o herói do Conserta Félix sai em busca de Ralph, porque sem ele, o jogo deles corre o risco de ser desativado.

Esse filme é muito bonitinho e nostálgico. Foi muito divertido ver os personagens dos jogos que eu jogava quando era criança (sim, sempre fui maluca por vídeo games). Aquele grupo de apoio ao vilão com o Dr. Robotnik, imitando uma reunião do AA foi muito criativo.



Meus filhos adoraram, mesmo tendo uma diferença de idade de cinco anos entre eles. Mas dos dois, a Giulia gostou mais porque grande parte do filme se passa na Corrida Doce e tudo é muito cor de rosa.



Além da viagem que fazemos à nossa infância assistindo ao filme, reconhecendo personagens que fizeram parte da nossa vida, ouvindo comentários sobre o Mario e a muitos outros, o ponto positivo que me faz recomenda-lo é a mensagem que ele passa, tanto pros adultos quanto pras crianças, de que não devemos julgar pessoas apenas pela imagem que elas passam, pessoas são muito mais que rótulos, pessoas são sorrisos, são amizades e são sonhos, são peças fundamentais na vida de qualquer um. Devemos acima de tudo respeitar uns aos outros e aceitar que, no mundo, existem diferenças que nós teremos que conviver.

Recomendo

comentário(s) pelo facebook:

Um comentário:

  1. Ai, esse filme entrou pra minha lista de favoritos da Disney <3 achei uma gracinha, como sua filha (que muito provavelmente tem menos da metade da minha idade) também amei a parte da corrida doce hahahaha e a mensagem é realmente ótima! Disney sempre dando um tapa na cara da sociedade através de desenhos!

    Beijos.

    ResponderExcluir