Frases Soltas: Resenha: O Livro de Julieta

1 de janeiro de 2013

Resenha: O Livro de Julieta


Um dia, quando estava passando pelas livrarias que costumo frequentar no Tatuapé, me prendi na capa deste livro. Achei ela linda e delicada, e quando li a sinopse dele, percebi que seria uma leitura obrigatória pra mim.

O livro de Julieta conta a história real da autora Cristina, que descobriu que sua filha recém-nascida nasceu com síndrome de Down.

Como já podemos imaginar, a partir do momento que Julieta nasceu, Cristina teve que lidar com muitas situações inusitadas e com vários sentimentos conflitantes, mas o sentimento mais presente neste livro é a raiva. Pelo menos foi isso que eu senti durante a leitura.

Cristina me pareceu estar magoada o tempo inteiro por sua filha ser deficiente, o que é totalmente normal, devido à dificuldade da situação, mas senti também que ela tinha raiva de todos, desde o taxista que ficou prestando atenção em Julieta e tentando puxar assunto, até ao Padre que reclamou com ela por ter demorado pra levar a menina pra ser batizada.

Trabalho de mãe é exaustivo e não acaba nunca, no caso de Cristina, que é mãe de quatro filhos, esse trabalho não tem fim, e senti por ela ter passado tanto tempo triste e com raiva do mundo.

Essa leitura foi enriquecedora porque pude saber mais sobre essa síndrome e como ela abala as pessoas que tem de conviver com ela. Foi interessante saber sobre o desenvolvimento das crianças com Down, sobre a sensibilidade delas pra música, sobre o relacionamento com os irmãos e sobre como eles não conseguem guardar rancor de ninguém.

É um livro triste e ao mesmo tempo lindo, porque por mais que a situação da menina Julieta seja bem complicada de lidar pras pessoas que a amam, não há como não se apaixonar por essa garotinha que adora usar luvas nas mãos e ama imitar as pessoas.




comentário(s) pelo facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário