Frases Soltas: Água para Elefantes

4 de abril de 2011

Água para Elefantes

O livro começa com um Jacob já idoso, narrando sua história através das lembranças que ele ainda possui. A magnitude com que as sensações do personagem são descritas impressiona. Nunca tinha pensado com clareza sobre envelhecer e o sentimento que vem junto com a velhice, mas esse livro me fez imaginar como vai ser quando eu chegar nesse ponto, e confesso que senti muita tristeza.
Por outro lado, me encantei com o Jacob ainda jovem, o modo que se apaixonou por Marlena e a paciência que teve, o jeito que interagia com os animais e com as pessoas do circo, sempre muito solidário e atencioso, o amor que tinha por Rosie mesmo tendo que guardar seu segredo obscuro pelo resto da vida.
Uma coisa que me impressionou muito tb foi a visão que a autora tem sobre o universo masculino. Existem algumas cenas sensuais e porque não dizer eróticas, que são muito bem descritas partindo do ponto de vista de um homem. Acho que ela acertou em cheio.
Foi um livro envolvente que me prendeu do começo ao final (que foi realmente surpreendente!). Me senti várias vezes na pele do personagem e me peguei torcendo muito por ele.
Fiquei apaixonada por Jacob, não só por ele ser um mocinho muito real, mas pela maneira que ele enxergou a vida e as pessoas à sua volta.
A mensagem que fica desse livro foi que nunca se pode desistir de um sonho, sempre se tem que correr atrás para torná-los realidade, não importa a idade que você tenha.
Altamente recomendado!



comentário(s) pelo facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário